quarta, 09 August 2017 20:08

Couve Toscana

Estava eu de volta dos maravilhosos legumes do Miguel (Quinta Jasmim) no Mercado Municipal de Torres Vedras e descubro umas folhinhas soltas que me pareciam folhas de brócolos e fui elucidada que eram folhas Toscana.
Depois de algumas dúvidas tiradas ali na hora fui fazer outras tantas ao Google:
Toscana? De Itália? “non lo so” pois que as informações sobre a mesma são diversas desde que tem origem da Grécia, da Escandinávia e claro da Toscana.
Mas agora ela é nossa, do Miguel que a plantou ou minha que a comprei… não importa. O importante foi o que eu descobri e como me deliciei depois a criar várias receitas para esta delicosa e ligeiramente apimentada couve:

Nomes Comuns Couve-de-toscana, couve-negra-de-toscana, couve-dinossauro, couve-palmeira, palmeira-negra-de-toscana.
Nome científico Brassica oleracea, grupo das Acéfala.
A couve negra da Toscana (da família Crucíferas ou Brássicas) é rica em nutrientes que a tornam num alimento antioxidante, que favorece o bom funcionamento do intestino protegendo-nos de certa forma contra alguns tipos de cancro (cólon, ovário, peito, próstata). Este fenómeno deve-se aos glucosinolatos existentes na planta, que têm efeitos antianémicos, bom funcionamento do intestino, energética, remineralizante, anti-inflamatório e antibacteriano.
Rica em carotenoides, flavonoides (45 formas) e clorofila, possui boas quantidades de pró-vitamina A, vitamina C, B1, B2, B6, K e E, cálcio, ferro, magnésio, enxofre, cobre, bromo, silício, iodo, potássio e ácido fólico.
Mas, como digo sempre, o milagre da saúde deve-se a “vários santos”, por isso é importante que as refeições sejam compostas de menus Vitalizantes.
Por isso vos deixo a sugestão de um menu:

Arroz integral socado
Hamburger de tofu
Abóbora Hokaido caramelizada
Couve Toscana Salteada
Recordo-vos também da necessidade de aprender a elaborar refeições completas, de forma correcta para maximizar ao máximo as suas propriedades.
Não hesitem em me contactarem para qualquer esclarecimento
96 35 24 649
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
Bom e Vitalizante Apetite
Fonte http://revistajardins.pt/conheca-couve-negra-toscana/

 

Publicado em Artigos
segunda, 31 July 2017 19:37

COUVE KALE NA PANELA DE PRESSÃO

COUVE KALE NA PANELA DE PRESSÃO
150gr de folhas de couve cortadas em pedaços de 3cm
1 colher de sopa de azeite
Shoyu qb (molho de soja)
50ml de água
Aquecer a panela, colocar o azeite, espalhar e colocar a couve mexendo, junta a água, o shoyu, misturar mais um pouco, tampar e cozinhar na pressão 5mn em lume baixo. Abrir rapidamente a panela, confirmar se está cozinhada no ponto desejado, se precisar cozinhar mais uns minutos na pressão senão apure mais algum tempo, em lume médio alto, destampada e mexendo de vez em quando para apurar. Servir como acompanhamento.
Esta é uma forma rápida e Vitalizante e cozinhar esta e outras couves.
Bom e Vitalizante Apetite
Da família das Brassicaceae ou crucíferas. Rica em vitaminas e minerais: vitamina A, C K, B6, manganês, potássio, magnésio. Fortalece os ossos, estimula o sistema imunitário e equilibra o sistema nervoso.
saiba mais sobre a couve kali

Publicado em Acompanhamentos
segunda, 31 July 2017 12:30

COUVE KALE

A couve kale frisada (Brassica oleracea var sabellica) é uma variedade de couve de folhas super frisadas. Considerada como um super alimento, esta folha de couve, da família das Brassicaceae ou crucíferas - a família vegetal com mais super-poderes nutricionais e medicinais da qual também fazem parte os nabos, as mostardas, as mizunas, os bróculos e as couves-flor.
De sabor suave e subtil, com apenas um ligeiro sabor a couve, não tem o saor amargo da couve tradicional.
Esta couve pode ser consumida de várias formas, e hoje apresento-lhes uma forma rápida e bem vitalizante – na panela de pressão.
Rica em vitaminas e minerais: vitamina A, C K, B6, manganês, potássio, magnésio, beta caroteno. Fortalece os ossos, estimula o sistema imunitário e equilibra o sistema nervoso.
Cheia de anti-oxidantes que actuam como anti-inflamatórios, esta couve ainda é rica em indóis, substâncias naturais que têm um efeito anti-estrogénico que ajudam a regular as hormonas.
Todas estas propriedades, claro, produzem um efeito desintoxicante e anti-cancerigeno no organismo.
Mas alerto-vos para que não olhem para este alimento como a solução milagrosa para a vossa saúde.
Recordo que uma boa alimentação é composta de vários tipos de alimentos, sendo que os principais são os cereais integrais (arroz, aveia, quinoa, espelta, etc)
Recordo ainda que é necessário aprender a elaborar os alimentos de forma correcta para maximizar ao máximos as suas propriedades.Veja aqui uma receita com couve kali


Fonte https://difrent.co/couve-kale-frisada-a-couve-para-quem-nao-gosta-de-couve/

Publicado em Artigos

Evento

  • Conversa Aberta Malveira
    Conversa Aberta Malveira Amigos Vitalizantes Nada melhor para começar este novo ciclo de vida (mais um Outono e mais um Inverno) que novos espaços para divulgar a Culinária Vitalizante e Educativa.Por isso, vos convido para o novo projeto…
Portuguese English French Spanish

Newsletter